Cabelos sob o sol de verão | Portal Alice Glitz

Cabelos sob o sol de verão

A pele está preparada para se defender do sol com alguns mecanismos muito específicos, como o espessamento da epiderme, especialmente da camada córnea. Quando você toma sol, a pele fica mais grossa para formar uma barreira mais robusta e protetora. Acontece ainda o aumento de produção de melanina, que é o sistema de pigmentação da pele, trazendo um tom bronzeado que também é uma ferramenta natural de cuidado contra os danos solares. Mas e o cabelo? Será que o fio de cabelo possui estratégias de defesa contra esse potente agressor? E como ficam os cabelos no período onde a radiação solar é mais intensa, chamado verão?

A PROTEÇÃO SOLAR NATURAL DO CABELO
A estrutura do fio de cabelo é formada preponderantemente por uma proteína denominada queratina. Também contribuem para a arquitetura de formação do fio componentes vitais, como a água, lipídeos (ou gordura) e pigmentos doadores da cor natural do cabelo. Tais pigmentos, formados por 2 tipos de melanina, formam 3% da massa capilar e conseguem ajudar na proteção contra os danos do sol. A eumelanina é um polímero marrom e a feomelanina é o composto amarelo avermelhado – a combinação destes forma a cor natural de cada Podemos dizer, de maneira figurativa, que a melanina é o protetor solar natural do fio de cabelo.

Cabelos loiros são formados de 13% de eumelanina e 87% de feomelanina, já os ruivos possuem 3% de eumelanina e 97% de feomelanina, enquanto que os pretos são compostos por 70% de eumelanina e 30% de feomelanina. No Brasil, devido a nossa constituição étnica, a maior parte das pessoas tem cabelos castanhos, contendo 54% de eumelanina e 46% de feomelanina. A melanina naturalmente presente nos cabelos virgens tem a capacidade de absorver 99,9% da radiação ultra violeta, dissipando essa carga energética tão alta, num comprimento de onda que vai de 254 a 350 nm, bem na faixa da radiação UVB (que vai dos 280 a 320 nm). Então, essa composição de melanina natural dos cabelos é bastante interessante para proteger o fio de cabelo dos danos solares na região do UVB. Mas e a radiação UVA?

 

BRASIL – CABELOS DESPROTEGIDOS!
No Brasil, tomamos sol durante o ano inteiro, portanto temos um impacto acumulado de radiação solar na pele e nos cabelos. Um trabalho realizado em conjunto entre as universidades Unesp/ Araraquara e da Universidade Federal de São Carlos mediu o dano causado aos cabelos pela radiação solar acumulada. Os pesquisadores analisaram um aminoácido presente no fio de cabelo, bastante sensível à radiação ultravioleta, chamado triptofano, e descobriram que o excesso de luz solar promove a DESIDRATAÇÃO das fibras, a PERDA DE COLORAÇÃO e a FRAGILIZAÇÃO dos fios. Outros trabalhos mostram que os aminoácidos mais sensíveis à foto-oxidação são o TRIPTOFANO, A CISTINA, A TIROSINA E A HISTIDINA.

Os pesquisadores também sugerem que o excesso de radiação solar pode contribuir para a CALVÍCIE. No trabalho de mestrado “Efeito da Radiação Ultravioleta na Cor, na Perda Proteica e nas Propriedades Mecânicas do Cabelo”, da aluna Ana Carolina Santos Nogueira/ Unicamp quantificou a perda proteica das diversas cores de cabelo natural e descobriu que os fios RUIVOS são os que sofrem a maior perda. Com o passar dos anos há uma diminuição generalizada em todas estas “armas” de defesa, até a quantidade de melanócitos diminui em função da idade, chegando a média de 10% de perda a cada 10 anos.

A conclusão destes 2 trabalhos científicos é que a radiação UVB é a principal responsável pela perda proteica do cabelo e quanto a mudança na cor, a vilã é a radiação UVA.

O QUE FAZER?
Se você pensa que com a chegada dos dias mais quentes basta usar uma linha de cuidados capilares contendo filtro solar, está parcialmente correta. É necessário redobrar os cuidados contra a perda da água natural contida dentro do fio de cabelo, pois o tempo mais quente pede um aumento nos cuidados de hidratação e reparação específicos. Verão é tempo de muita hidratação. E tudo começa na sua rotina diária!

PRIMEIRO PASSO: LAVAR DIREITO

Para começar a preparação para esbanjar saúde, vitalidade e beleza no verão, os cabelos precisam ser higienizados com shampoos contendo agentes que possam recuperar a umidade perdida da sua estrutura natural. Busque fórmulas contendo agentes de limpeza ultra suaves, livres de sulfato, que limpam sem agredir o fio. Uma boa combinação de ingredientes limpadores delicados e eficientes é formada pelo quarteto Shea Butteramidopropyl Betaine, Sodium Lauroyl Sarcosinate , Sodium Cocoyl Isethionate e Decyl Glucoside, que proporcionam espuma rica e cremosa. Outra combinação bem-vinda para evitar a desidratação do cabelo no verão é a adição de manteiga e óleo de coco, que trazem ácidos graxos essenciais para manter a proteção da água fundamental contida no cabelo, evitando o ressecamento e porosidade decorrentes de dias sob exposição intensiva ao sol de verão. Onde encontrar: Shampoo Amend Coco

SEGUNDO PASSO: SUBSTITUIR O CONDICIONADOR PELA MÁSCARA

Dependendo do estado de ressecamento do seu cabelo, você deve somar o uso do condicionador e da máscara capilar, afim de aumentar os benefícios de hidratação dos cabelos. Para cabelos com um leve ressecamento, faça a combinação de máscara e condicionador, usando nessa ordem, pelo menos 2 vezes por semana. Mas, se o grau de secura for muito intenso, use a combinação após todas as lavagens, aplicando primeiramente a máscara e, sem enxaguar, aplique o condicionador, deixe agir pelo menos 3-5 minutos e só então enxágue. Onde encontrar: Condicionador e Máscara Amend Coco

TERCEIRO PASSO: FINALIZAR E FOTO-PROTEGER

Para o dia a dia, onde a exposição à radiação solar é pontual e menos persistente, basta aplicar um finalizador enriquecido com lipídeos emolientes para formar uma rede que mantenha os cabelos macios e hidratados. Fluidos bem voláteis, enriquecidos com óleo de coco grau de cosmético doam textura suave e sensorial leve, além de proporcionar um alto poder de umectação aos fios. Onde encontrar: Óleo Umectante Amend Coco

Para os dias de exposição continuada ao sol, com muita praia e piscina, é fundamental buscar uma fórmula finalizadora contendo extratos vegetais hidratantes, como babosa (Aloe Barbadensis) e camomila (Chamomilla Recutita Flower), combinados com manteiga de karité(, Butyrospermum Parkii) e filtro solar químico(Ethylhexyl Methoxycinnamate). Esse complexo ativo rebate os perigos da radiação solar UV e infra-vermelho de maneira intensiva, evitando o ressecamento e a desidratação. Onde encontrar: Leave- in Anti Danos Solar Defense Amend

QUARTO PASSO: TRATAMENTO DE CHOQUE SEMANAL

Se seus hábitos de exposição ao sol e calor são excessivos, pense em adotar a suplementação da sua máscara capilar com a gordura de coco de grau cosmético para trazer um benefício superior de hidratação e emoliência aos fios judiados pelo sol. A gordura de coco, obtida da planta denominada Cocus nucifera, é rica em ácidos graxos, principalmente os ácidos láurico, mirístico e palmítico, que são bons aliados para cuidar da dos cabelos no verão. Basta adicionar a porção de máscara capilar que você aplica nos fios limpos, uma dose adicional da gordura de coco de grau cosmético, misturar bem nas mãos e aplicar nos fios, fazendo o enluvamento da raiz as pontas. Deixe agira por 10 minutos e enxágue com água morna. Você vai sentir uma alteração imediata na qualidade sensorial do seu cabelo, com sedosidade, penteabilidade e brilho incomparáveis. Onde encontrar: Óleo Vegetal Amend Coco

OBSERVAÇÃO IMPORTANTE!

Os derivados de coco, sejam eles o óleo e a manteiga de coco são excelentes ativos naturais para a beleza dos seus cabelos. Porém para usar esse tipo de gordura vegetal na pele ou cabelo, a indústria cosmética submete a matéria prima bruta a processos de purificação, eliminando impurezas que não são benéficas para aplicação tópica. Através de processos de filtração são separadas as frações boas para os cuidados diários da pele.

 

Créditos: Luiza Cavalcanti / Divulgação

(Visited 9 times, 1 visits today)

Comentários no Facebook

%d blogueiros gostam disto: