BAIXADA FLUMINENSE TERÁ REPRESENTANTE NO PRÊMIO OFERECIDO PELO COMITÊ PARALÍMPICO BRASILEIRO (COB)

Artilheiro da Seleção Brasileira, nos jogos Paralímpicos Rio 2106, o paratleta, Júlio Braz (25), foi indicado, juntamente com mais dois atletas, pela Associação Brasileira de Rugby em Cadeiras de Rodas (ABRC) para a 6º Edição do Prêmio Paralímpico, organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). A cerimônia será realizada no dia 7 de dezembro, e reúne os destaques de 22 modalidades diferentes, além de homenagear atletas que mais contribuíram para o crescimento do desporto paralímpico. O Prêmio Paralímpicos 2016, tem como principal objetivo homenagear os atletas que se destacaram durante o ano em competições nacionais e internacionais.

O paratleta foi descoberto em um projeto da sua cidade natal, Mesquita/RJ (Baixada Fluminense). O jovem nasceu com má formação congênita, nas pernas e na mão direita, mas isso nunca foi motivo para baixa estima e depressão. Sempre adepto de esportes, andava de skate, bicicleta, nadava , jogava bola com pessoas sem nenhuma deficiência e handebol adaptado.  Funcionário da prefeitura de Mesquita/RJ, o jovem alterna sua carreira pública com os treinamentos de rugby no Minas Quad (Minas Gerais) e na Seleção Brasileira.

 

Em apenas dois anos de carreira, Júlio, já conquistou o título brasileiro em sua modalidade, em Guarapari, disputou seu primeiro campeonato internacional, o Metro Cup, em Varsóvia, na Polônia e já recebeu vários prêmios de atleta revelação e artilheiro de competições. Hoje ele joga profissionalmente no Minas Quad Rugby, onde viaja uma vez por mês para Belo Horizonte, para os treinos. “O rugby mudou a minha vida, fico muito feliz por tão pouco tempo de carreira, ter alcançado uma paralímpiada e dois campeonatos internacionais, foi tudo muito rápido mas com muito sacrifício, meu lema é acreditar nos seus sonhos, mesmo parecendo impossível.” destacou Júlio.

Premiações;

  • Campeão Brasileiro de 2015 da 2ª divisão pelo time Santer Rio / Prêmio Individual ( Artilheiro e Atleta Revelação),
  • Campeão da Copa Remo em Cataguases pelo time Minas Quad Rugby, Campeão do V Torneio de Penápolis pelo time Minas Quad Rugby/ Prêmio Individual ( Melhor Atacante),
  • Campeão do Aberto de Brasília pelo time Minas Quad Rugby / Prêmio Individual ( Melhor 3.0 / 3.5),
  • Vice Campeão da Copa Caixa de Rugby pelo time Minas Quad Rugby, Campeão da Copa Bebedouro pelo time Minas Quad Rugby / Prêmio Individual ( Melhor 3.0/ 3.5),
  • Campeão Brasileiro de 2016 pelo time Minas Quad Rugby, Campeão do VI Torneio de Penápolis pelo time Minas Quad Rugby/ Prêmio Individual (Melhor 3.0/ 3.5)
  • Artilheiro da Seleção Brasileira nas Paralímpiadas Rio 2016

 

Em novembro, o paratleta irá disputar o Open da Áustria, em ST. Polten, pela Seleção Brasileira e a Copa Caixa em Dezembro.
Créditos: Gisele Rocha / Divulgação

(Visited 5 times, 1 visits today)

Comentários no Facebook

Anuncie Aqui! Dê Mais Visibilidade ao Seu Negócio CLIQUE AQUI E ENTRE EM CONTATO